AUTORIZA A ABERTURA DE UM CRÉDITO ESPECIAL NA IMPORTÂNCIA DE CR$ 1.509.501,20 (HUM MILHÃO, QUINHENTOS E NOVE MIL, QUINHENTOS E UM CRUZEIROS E VINTE CENTAVOS).
 
 
AUTORIZA O EXECUTIVO A CONTRAIR UM EMPRÉSTIMO ATÉ O MONTANTE DE CR$ 15.000.000,00 (QUINZE MILHÕES DE CRUZEIROS).
 
AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITO SUPLEMENTAR DE CR$ 4.600.000,00 (QUATRO MILHÕES E SEISCENTOS MIL CRUZEIROS).
 
AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITO SUPLEMENTAR DE CR$ 2.181.096,30 (DOIS MILHÕES, CENTO E OITENTA E UM MIL, NOVENTA E SEIS CRUZEIROS E TRINTA CENTAVOS).
 
PERMITE DESCONTO EM FOLHA PARA PAGAMENTO DE EMPRÉSTIMOS À CAIXA ECONÔMICA FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. (REVOGADA PELA LEI Nº 488, DE 9 DE MAIO DE 1979)
 
AUTORIZA A ABERTURA DE UM CRÉDITO ESPECIAL NO MONTANTE DE CR$ 845.906,90 (OITOCENTOS E QUARENTA E CINCO MIL, NOVECENTOS E SEIS CRUZEIROS E NOVENTA CENTAVOS).
 
AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITO SUPLEMENTAR E REDUZ DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA.
 
AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A CONCEDER UM EMPRÉSTIMO AO GINÁSIO INDUSTRIAL SÃO JOSÉ NUM MONTANTE DE CR$ 1.000.000,00 (HUM MILHÃO DE CRUZEIROS).
 
ABRE CRÉDITOS SUPLEMENTARES NO MONTANTE DE CR$ 500.000,00 (QUINHENTOS MIL CRUZEIROS) E FAZ REDUÇÃO DE IGUAL QUANTIA EM DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA.
 
ABRE CRÉDITOS SUPLEMENTARES E REDUZ DOTAÇÕES ORÇAMENTÁRIAS.
 
AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A CONCEDER UM EMPRÉSTIMO AO GINÁSIO INDUSTRIAL SÃO JOSÉ, NUM MONTANTE DE CR$ 2.000.000,00 (DOIS MILHÕES DE CRUZEIROS).
 
É AUTORIZADO O PODER EXECUTIVO ABRIR UM CRÉDITO ESPECIAL NO MONTANTE DE CR$ 2.736.822,00 (DOIS MILHÕES, SETECENTOS E TRINTA E SEIS MIL E OITOCENTOS E VINTE E DOIS CRUZEIROS).
 
É AUTORIZADO O PODER EXECUTIVO A ABRIR UM CRÉDITO ESPECIAL NO MONTANTE DE CR$ 2.500.000,00 (DOIS MILHÕES E QUINHENTOS MIL CRUZEIROS).
 
ORÇA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO PARA O EXERCÍCIO DE 1963.
 
ABRE CRÉDITO ESPECIAL NO MONTANTE DE CR$ 1.600.000,00 (HUM MILHÃO E SEISCENTOS MIL CRUZEIROS) PARA ATENDIMENTO DE GRATIFICAÇÃO NO MÊS DE DEZEMBRO A TODO FUNCIONÁRIO FIXO, PROFESSORES DE 1ª, 2ª E 3ª ENTRÂNCIA, CONTRATADOS E OPERÁRIOS EXTRAMENSALISTAS E DIARISTAS.
 
ABRE CRÉDITOS SUPLEMENTARES E REDUZ DOTAÇÕES ORÇAMENTÁRIAS.
 
DECLARA DE UTILIDADE PÚBLICA A FUNDAÇÃO EDUCACIONAL CAMAQUENSE.
 
AUTORIZA A ABERTURA DE UM CRÉDITO ESPECIAL NO MONTANTE DE CR$ 1.000.000,00 (HUM MILHÃO DE CRUZEIROS).
 
ABRE UM CRÉDITO ESPECIAL DE CR$ 33.445,00 (TRINTA E TRÊS MIL, QUATROCENTOS E QUARENTA E CINCO CRUZEIROS).